Dicas para lidar com cavalos difíceis e ansiosos

Publicado em 30/11/2017 às 09h01

Sabemos que os cavalos são animais sensíveis e podem sentir nossas emoções (se temos medo, raiva, etc.). No meu caso, sou uma pessoa ansiosa e acredito que eles acabam adquirindo essa característica junto comigo. Por esta razão resolvi compartilhar um artigo que li sobre o assunto com vocês! Espero que gostem..

CAVALO BRAVO COMO LIDAR

Você está andando pacificamente quando sente um tremor passar pelo corpo do seu cavalo. Suas orelhas previamente flexíveis avançam e sua cabeça se levanta. Enquanto você se pergunta quando seu cavalo se transformou em uma girafa, seus passos se tornam mais lentos e curtos. Você olha para a esquerda e para a direita, tentando desesperadamente ver o monstro comendo carne que acabou de emergir dos arbustos. Mas você não vê nada. Nada além de rochas, árvores e grama. As mesmas rochas, árvores e grama que sempre estiveram lá.

Mas espere, o que é isso? Lá, na árvore, um pequeno brilho de branco. Parece um pedaço de sacola de supermercado, preso em um dos ramos. E, enquanto você pensa "bem, não pode ser isso.." seu cavalo já rampou deixando você pendurado no espaço por um momento, enquanto ele o faz de volta para a cocheira, sem notar você em cima dele.

Talvez seu cavalo tenha uma coisa com o caminhão do lixo. Talvez ele esteja convencido de que os cervos de rabo branco estão se disfarçando como criaturas pacíficas e comendo grama, mas estão realmente esperando a chance de atacar uma refeição deliciosa. Ou talvez o que realmente destrói seu cavalo é estar sozinho.

Seja qual for a sua questão específica, a ansiedade equina é o problema número 1 de treinamento e gerenciamento para cada cavaleiro.

Não importa qual seja a causa ou expressão da ansiedade do seu cavalo, todas as amazonas e cavaleiros precisam aceitar que seus cavalos terão medo de algo periodicamente. É a natureza de um animal estar sempre "atento" e é um comportamento que devemos aceitar.

O primeiro passo - e muitas vezes mais difícil do que você pensa que deveria ser - é determinar o que está causando que seu cavalo esteja ansioso e, portanto, indisciplinado ou desobediente. Aquilo que torna os cavalos tão fabulosos para treinar, suas incríveis memórias e a capacidade de extrapolar de experiências anteriores, também os faz segurar memórias negativas e torna-se difícil convencer que situações futuras não serão negativas.

cavalo assustado

Sete tipos de medo

As causas da ansiedade eqüina geralmente se encaixam em uma das sete categorias a seguir:

1. Objetos. Os objetos que os cavalos mais acham aterrorizantes incluem: rochas, equipamentos agrícolas, carros, edifícios, saltos, latas de lixo e praticamente qualquer coisa que considerem fora do comum.

2. Situações. Muitos cavalos são incertos sobre lugares escuros ou fechados (como uma pista coberta ou indoor). Muitas vezes, esse medo será expressado de maneira amarga e às vezes podem se recusar a entrar na pista, seja em casa ou em uma competição.

3. Sons. Alguns cavalos são assustados por barulhos altos e inesperados (um carro acelerando, uma lata de lixo caindo). Outros não suportam ruídos sibilantes (como de uma mangueira com vazamento) e outros não gostam de ruídos sussurrantes (em folhas ou sob algo).

4. Lida e outros cuidados / manuseio. Alguns cavalos têm realmente medo das máquinas de raspar, seja o som ou a sensação. Alguns não gostam de receber injeção e outros estão preocupados com o ferreiro.

5. Lugares novos. Isso pode ser tão óbvio quanto mudar para uma nova casa ou ir a uma competição. Poderia ser a mudança para uma baia nova ou ao entrar em um novo trailer. A ansiedade pode até ser causada por mudanças mais sutis ao redor da cocheira.

6. Tipo de trabalho / tipo de cavaleiro. Os cavalos costumam preferir um certo tipo de cavaleiro. E, muitas vezes, cavalos com um forte desejo de ficar ansioso porque não entendem o que lhes está sendo solicitado, quer porque o exercício não é claro para eles ou os auxílios do ginete são confusos.

7. Outros animais. Os cavalos costumam ter medo de pássaros, vacas, cabras, ovelhas, burros, veados ou outros animais selvagens. E alguns têm medo de outros cavalos.

A única maneira de lidar com a maioria das coisas que causam ansiedade equina é a repetição, porque são coisas que você simplesmente não pode mudar ou que seu cavalo apenas tem que lidar.

Remover a causa?

Uma vez que você isolou a causa da consternação do seu cavalo, a grande questão é o que você pode fazer sobre isso? E é aí que você tem que ser criativo, confiante e mesmo disposto a fazer algo incomum.

A primeira coisa a determinar é o grau de medo do seu cavalo. Ele está realmente aterrorizado? Você consegue sentir seu coração batendo? Ele está tremendo? Ele se afasta cegamente? Ou ele realmente está usando o objeto, o que o surpreendeu ou o desencadeou, como uma desculpa para produzir mau comportamento ou sair do trabalho? Conhecemos um cavalo que passará sobre qualquer coisa no cabresto, mas quando você pega as rédeas para trabalhar, os mesmos objetos imediatamente se tornam aterradores.

Se for esse o caso, concentre-se no seu trabalho e ignore mais ou menos o comportamento do cavalo e o objeto de sua preocupação. Uma vez que os cavalos descobrem que seus histriônicos não produzem o resultado pretendido, a maioria aprenderá a continuar com seu trabalho calmamente após um susto momentâneo.

Mas se o seu cavalo tem realmente medo, então é hora de analisar a causa e determinar melhor como combatê-la.

Às vezes você pode remover ou diminuir a causa da ansiedade do seu cavalo. Talvez ele prefira estar em uma baia mais calma ou acabou com diferentes parceiros de pastagem ou até um piquete diferente que causou stress.

Mas a única maneira de lidar com a maioria das coisas que causam ansiedade equina é a repetição, porque são coisas que você simplesmente não pode mudar ou que seu cavalo apenas tem que lidar.

Lidar com objetos que causam stress em seu cavalo pode ser extremamente irritante. A maioria dos cavalos, se for dada uma chance de olhar duro para um objeto desconhecido - e especialmente para cheirar e tocá-lo - perderá a ansiedade. Normalmente, se você permanecer calmo e apenas deixe-os respirar profundamente e avaliar algo que eles não viram antes, eles vão aceitá-lo. Muitas vezes, deixá-los colocar o nariz nele selar o acordo.

Se o seu cavalo está realmente assustado com algo, até o ponto em que ele se torna perigoso para você ou para os outros, uma boa opção pode ser descer e levá-lo ao objeto. Você pode até vê-lo perto do que está assustando-o até se acalmar.

A ansiedade ocasional pode ser mais complicada. Os cavalos que se incomodam excessivamente com lugares escuros ou fechados provavelmente se comportam assim porque são verdadeiramente claustrofóbicos ou têm pouca visão. Você só precisa planejar com antecedência.

Saiba que, se você vai estar em uma pista coberta, você deve chegar lá algumas horas ou um dia antes da competição para que ele fique confortável.

cavalos assustados como lidar

Cinco dicas para momentos de ansiedade em seu cavalo

1. Não olhe para o objeto ou a área do medo. Concentre seus olhos em um lugar a frente e chegue até ele. Isso evita que você reconheça o objeto como algo que lhe da medo e mantém seus olhos, cabeça e equilíbrio para cima e para frente.

2. Se você tem um cavalo que é sempre assustado, experimente andar com uma alça que você possa se agarrar,  além da boca dele. Puxar o cavalo pela boca em um momento que ele está assustado pode deixa-lo mais nervoso.

3. Se o cavalo contorce seu corpo para olhar para um objeto dentro ou perto da sua pista toda vez que você passar e assim interromper seu trabalho, em vez de lutar para forçá-lo a não olhar para ele, force-o a olhar, mas continue trabalhando.

4. Se o seu cavalo está andando como uma bola tensa prestes explodir, pegue o trote e comece a fazer figuras como serpentinas ou oito. Concentre-se na geometria das figuras e no ritmo do trote. Ignore todo o resto. Alguns top riders cantam enquanto eles estão fazendo isso para se forçar a respirar de forma consistente e liberar tensão, o ritmo da música também os ajuda a criar um ritmo consistente no trote.

5. Lembre-se, a coisa mais difícil para alguns cavalos de fazer é andar sem contato na boca. A perda de contato com o ginete pode ser sentida como um abandono, eles ficam mais propensos a se sentir ansiosos ou assustados. Embora ser capaz de caminhar em redea solta é uma obrigação, seja paciente com cavalos que lutam com esse conceito. Comece tentando breves períodos de rédeas soltas em um período, aumentando a quantidade de caminhada ao longo do tempo.

Um dos tipos mais difíceis de lidar e corrigir é a ansiedade por ruídos. Como você prepara um cavalo para ficar calmo no meio de fogos de rojões ou um carro acelerando antes de acontecer? O conselho mais útil é aguentar e manter a calma. E imediatamente retornar ao trabalho que você estava fazendo, para que o cavalo veja que você não estava perturbado pelo som. Ele deve aprender com seu exemplo.

Mas se seu cavalo costuma se assustar com barulho, você pode condicioná-lo com um tipo de treinamento de sobrecarga sensorial, como é utilizado em treinamento de cavalo policial. Agite, chocalhe potes e panela, sinos, sacolas de plástico ou outros itens comuns ao seu redor enquanto você o tranquiliza (com sua voz, acariciando ou com comida) até ele aceitar os sons.

Pode levar muito tempo, repetição, repetição e repetição mas normalmente os cavalos começam a aceitar a o barulho.

Convencer cavalos a não ter medo de outros animais geralmente é uma luta árdua. Se eles têm medo de vacas, porcos, cabras, cachorros ou animais selvagens, muitas vezes não há muito o que você pode fazer, exceto tentar evitá-los e aguentar se você não puder.

Stress do trabalho

Do ponto de vista do treinamento, muitas vezes é extremamente desafiador fundar uma parceria entre um cavalo e um cavaleiro que não são adequados. Talvez seja uma desigualdade de estilo ou personalidade, por exemplo, se ambos tiverem sangue quente ou pouca paciência provavelmente irá dificultar mais as coisas do que deveriam. Neste caso, um deles, ou ambos, terão que mudar e isso nem sempre é possível. E, embora seja sempre muito preferível que os ginetes realmente trabalhem para melhorar suas habilidades e flexibilidade e expandir sua experiência, às vezes os treinadores só precisam admitir que é necessário fazer uma mudança.

Como treinadores, faz parte do trabalho dizer aos alunos quando as coisas estão indo errado. Faça os cavaleiros e amazonas conscientes dos enormes desafios que enfrentarão com seu atual cavalo, dado suas respectivas personalidades. Explicar com sinceridade quais mudanças terão que fazer para alcançar a harmonia. Mas, em última instância, cabe ao aluno decidir.

 

Artigo: Equisearch

Categoria: Manejo e dia-a-dia
Tags: ansiedade em cavalos, cavalos assustados, como lidar com cavalos dificeis

Enviar comentário

voltar para Arquitetura Equestre

left show fwR|left tsN fwR|left show fwR|bnull|||news login fwB tsN fwR tsY uppercase|fsN fwR uppercase|uppercase|news login fwR uppercase|tsN fwR uppercase|b01 uppercase bsd|content-inner||news fl